Ir para o conteúdo

RedeNutes leva experiências da telessaúde em Pernambuco para a Rio+20

18 de junho de 2012 | postado por Cinthya Leite

O médico Rodrigo Cariri é um dos profissionais que apresentam o sistema HealthNet 2.0 (Foto: Flora Pimentel / JC Imagem)

A Rede de Núcleos de Telessaúde de Pernambuco (RedeNutes) participa da Rio+20: Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, que acontece até a próxima sexta-feira (22/6), na capital carioca.

Os nove núcleos fundadores do Programa Telessaúde Brasil Redes transmitem para o estande do Ministério da Saúde resultados e exemplos de ações implementadas pelo programa ao longo dos anos, com o intuito de fortalecer o Sistema Único de Saúde (SUS).

Hoje, quarta e quinta, a RedeNutes conta um pouco da história e da gestão desde a implementação da rede nos municípios pernambucanos até o funcionamento dos serviços oferecidos, como teleassistência e tele-educação.

Entre os assuntos abordados, estão a telessaúde como instrumento para integração ensino-serviço, relatos de casos de pacientes beneficiados pelas teleconsultorias e a tele-educação como fortalecedora das ações da Estratégia de Saúde da Família nos municípios.

Também serão debatidas dificuldades enfrentadas, como a baixa conectividades no interior do Estado, as parcerias como a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES/PE) e o Conselho das Secretarias Municipais de Saúde (Cosems-PE), entre outros. ”Essa participação, num evento com tamanha visibilidade, é de extrema importância para nós”, afirma a gerente da RedeNutes, Tereza Rodrigues.

Entre os destaques, está a apresentação do sistema HealthNet 2.0, ambiente de tecnologias integradas que funciona como uma rede social virtual em que podem ser criadas comunidades para a utilização de serviços de teleassistência, tele-educação e telegestão. Participam desse momento o médico Rodrigo Cariri, da residência médica em saúde de família e  comunidade da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), e o teleconsultor do Nutes/UFPE, Ricardo Gurgel.

A ideia é promover o HealthNet como um novo sistema integrador e apontar os benefícios de utilização pelos profissionais de saúde. Outro destaque será a participação dos municípios do Cabo de Santo Agostinho e de Ingazeira, que relatarão suas experiências em teleassistência e tele-educação, respectivamente.

Comentários fechados.

 
Todas as informações apresentadas neste blog estão disponíveis com objetivo exclusivamente educacional. Dessa maneira, nosso conteúdo não pretende substituir consultas médicas, realização de exames e tratamentos médicos. Sempre que tiver uma dúvida, não deixe de conversar com o seu médico, que é o profissional mais adequado para esclarecer todas as suas perguntas. E nunca se esqueça de que o direito à informação correta é essencial para a prevenção e o sucesso do tratamento. E mais: o conteúdo editorial do Casa Saudável não apresenta relações comerciais com possíveis anunciantes e patrocinadores do blog.